domingo, 12 de junho de 2011

Dê um beijo. Um abraço. Um passo em sua direção.

Aproxime-se sem cerimônia. Dê um pouco de calor ao seu próximo essa atitude fará bem à você. Sente-se perto e fique por algum tempo. Não conte o tempo de se doar. Libere sorrisos. Olhe nos olhos. Não aponte defeito procure ajudar a saná-lo. Ninguém procura o sofrimento, portanto respeite a dor do outro. Ouça a mesma história quantas vezes necessário for, o outro carece disso. Escreva uma carta a tecnologia é sensacional, mas pode se perder com o tempo, registre seu sentimento. Irradie simplicidade, simpatia, e o amor de Deus. Não espere ser solicitado, preste um favor. Lembre-se de um caso, converse sério ou fiado, conte uma piada e ria até doer a barriga. Ajude a resolver um problema. Pergunte: Como vai? Que tem feito de bom? E as novidades? Que há de novo? Sugira um passeio, um bom livro, um bom filme. Diga de vez em quando, desculpe, muito obrigado, está tudo bem acontece pra tudo dá-se um jeito ... E não se espante se a pessoa mais feliz for você!!!
Quando pensei em escrever pensei em algo para os namorados, mas depois pensei também naqueles que não tem, portanto decidi mudar o texto e dedicá-lo à todos com ou sem namorado. E é isso dedico à todos com beijos multicoloridos!!!

1 comentários:

Natalia disse...

Lindo Zu!!bjs

Postar um comentário